Blog

Fique por dentro das novidades!

Fique no saldo positivo com a gestão de benefícios

11 de junho de 2018

Coordenar uma gestão de benefícios dentro do setor de recursos humanos é sinônimo de oferecer produtos, como o vale-transporte e o vale-refeição, visando o aumento da eficiência profissional e retorno do investimento, consequentemente, maximizando os lucros da empresa.

Ao mesmo tempo, pensar no oferecimento dos “benefícios dos sonhos” para os colaboradores é ponderar a questão financeira, pois conceder esses privilégios requer investimento.

Assim, qualquer economia no setor é bem-vinda para os aperfeiçoamento dessas prerrogativas. Mas, quais as ações passíveis de realização que ajudam na contenção de gastos?

Evite desperdícios

Para isso é necessário utilizar as ferramentas corretas com o objetivo de lidar com o gerenciamento do que foi concedido e, em seguida, a maneira como foi consumido. Um grande exemplo de sucesso é a gestão de benefícios da RB Serviços. Este produto é exclusivo do benefício vale-transporte e atua como um serviço para redução de custos das empresas em até 35%.

Essa simples prática prevê que é direito do empregador carregar o cartão de transporte do funcionário com a quantia que falta. Por exemplo, caso o colaborador receba um benefício de R$ 300,00 reais, mas utilizou apenas R$ 260,00 reais, é assegurado por lei (Decreto nº 95.247) que a empresa arque apenas com a quantia adequada para atingir o valor máximo.

Evite utilização indevida do recurso

Dispor de outra plataforma com o intuito de fiscalizar a utilização adequada – ou indevida – é de extrema importância, principalmente porque tanto o colaborador e o empregador terão acesso à essa solução.

O resultado disso é a economia na gestão de benefícios e, em consequência, no aumento da produtividade dos trabalhadores.

VOLTAR

RB na Rede

Cadastre seu e-mail para receber nossas novidades!

Também estamos nas redes sociais ;]

FAÇA UMA COTAÇÃO
com nossos consultores
X

Esqueci a senha

X

Faça uma cotação!